Mulheres São Maioria Em Vazante, Apontam Dados do IBGE

Vazante, contrariando o censo da maioria das cidades menos populosas, apresenta um percentual diferente, por exemplo, em comparação às vizinhas Guarda-Mor, Lagamar e Lagoa Grande.

Mulheres São Maioria Em Vazante, Apontam Dados do IBGE

Na última sexta-feira (27), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apresentou os dados do Censo Demográfico 2022 relativos à distribuição da população por idade e sexo.

As cidades mais povoadas do Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste, como Uberlândia, Uberaba, Patos de Minas e Paracatu, registram um maior número de mulheres em comparação aos homens, enquanto nas localidades de menor porte, a situação se apresenta de forma contrária.

Vazante, contrariando o censo da maioria das cidades menos populosas, apresenta um percentual diferente, por exemplo, em comparação às vizinhas Guarda-Mor, Lagamar e Lagoa Grande. Na Capital do Zinco, para cada 100 mulheres, há 99,9 homens; um resultado apertado, mas que dá uma pequena vantagem para o público feminino.

Em termos absolutos, o Brasil atualmente conta com aproximadamente 6 milhões a mais de mulheres em sua população em relação aos homens. Essa disparidade na quantidade de mulheres pode ser explicada historicamente pelas taxas de mortalidade mais elevadas entre os homens, conforme relatado pelo IBGE.